O RH na era da indústria 4.0


A quarta Revolução Industrial, comumente conhecida como Indústria 4.0, significa a promessa do uso de novas técnicas avançadas de produção e operações com tecnologias digitais inteligentes, ou seja, a expansão de recursos como robótica, analítica, inteligência artificial, tecnologias cognitivas, nanotecnologia e computação quântica. Embora o mundo venha a ver mudanças ainda maiores nos próximos anos, grande parte dessas inovações já está em vigor. A tendência é uma transformação ainda maior da sociedade, sobretudo na maneira como as organizações realizam seus negócios: como elas dão sentido à informação e agem para alcançar a excelência operacional e melhorar continuamente a experiência do consumidor. A indústria 4.0 não apenas traz novas possibilidades, mas também temores de substituição de trabalho. No entanto, o que vai ocorrer é o surgimento de novas oportunidades para aqueles indivíduos que estiverem dispostos a aprender. Diversos setores terão que se adaptar, mas o futuro digital em recursos humanos começou há muito tempo. Algoritmos podem avaliar documentos de aplicação e entrevistas em vídeo; ferramentas de software são capazes de adaptar módulos de treinamento para necessidades individuais ou atualizar planos de mudança complexos em segundos. Entretanto, essas possibilidades ainda não estão sendo ativamente aplicadas. A verdade é que os processos manuais tradicionais ainda predominam em muitos departamentos de RH. Hoje os desafios são: trabalhar com enormes quantidades de dados;a velocidade da mudança dos processos; e novos modelos de gestão de pessoas. As tecnologias de RH incluem praticamente todas as áreas de uma empresa no processo de contratação. Além disso, o uso sistemático de inteligência artificial, aprendizado de máquina ou análise avançada tem um impacto positivo na lucratividade. De acordo com os especialistas, a eficiência das equipes pode ser aumentada significativamente nos processos e na tomada de decisão. Por exemplo, táticas como a gamificação podem motivar os trabalhadores a manter um alto nível de competência. Existem muitas tecnologias de aprendizado on-line que permitem que os funcionários estudem para adquirir novas habilidades em sua própria agenda usando seu dispositivo móvel. O uso de sistemas de recrutamento e seleção que conseguem prever os candidatos que mais estejam alinhados como o propósito das organizações deve crescer ainda mais. E esse é o caso da plataforma HRPM, sistema que foi desenvolvido pela startup brasileira Exemplaria com o objetivo de realizar o match perfeito entre as preferências do colaborador ou futuro colaborador e o que a empresa oferece. Na era da indústria 4.0 o ser humano deve aprender não somente a trabalhar, mas também a se comunicar em um novo ambiente de trabalho, e uma característica importante será o aprendizado contínuo que se tornará imprescindível para todo colaborador e organização. O RH precisará desenvolver novas habilidades para o futuro, ao mesmo tempo em que fornece suporte de gerenciamento de mudanças aos funcionários.


Carla Sampaio

21 visualizações

© 2016 by Exemplaria Solutions.

All trademarks belong to their respective owners.